sábado, 10 de julho de 2010

Entre beleza e eficiência, Holanda e Espanha disputam o título inédito

A primeira Copa do Mundo realizada na África termina neste domingo (11/07) e terá um campeão inédito. Holanda e Espanha se enfrentam no Soccer City, em Johanesburgo, principal palco construído pelos sul-africanos para a competição. Quem vencer se tornará a oitava seleção a levar o troféu para casa.

A Espanha chega à fase decisiva do Mundial apenas pela segunda vez na história. Em 1950, a final não foi disputada numa partida única, mas sim num quadrangular, no qual o time com mais pontos seria o campeão. A Fúria terminou na quarta posição e viu o Uruguai comemorar o título naquela ocasião.

Já a Holanda é finalista pela terceira vez. Em 1974 e 1978, a equipe ficou conhecida como "laranja mecânica" pelo seu estilo de passes rápidos e muita posse de bola e, é claro, pela cor do uniforme. Naquelas duas Copas, no entanto, a seleção perdeu as decisões para as anfitriãs: Alemanha Ocidental e Argentina, respectivamente.

Futebol à holandesa

A atual equipe espanhola tem um estilo que lembra o daquela Holanda, o que não acontece por coincidência. Sete dos titulares espanhóis que começaram jogando na vitória sobre a Alemanha, nas semifinais, têm contrato com o Barcelona.

O time catalão, por sua vez, tem grande influência da escola holandesa da década de 1970. Johan Cruyff, grande craque daquela geração, foi jogador e técnico do Barça e, desde então, muitos outros atletas do país foram contratados e chegaram a vestir a camisa azul-grená. O próprio meio-campo Sérgio Busquets, que se criou no clube, já agradeceu à Holanda por esta influência.

Mas um outro meio-campo do Barcelona e da seleção espanhola não gosta da comparação por um motivo simples. "Não queremos ser outra laranja mecância, queremos ser campeões", disse Xavi. "Seria muito justo para o futebol, bom para o esporte e mais, esta geração de jogadores merece", completou.

Também do lado holandês, a ideia é jogar bonito, mas com moderação. "Eu tento dar ao time mais estabilidade, ensinando como se defender corretamente. Eu adoro o futebol ofensivo, mas é preciso ter a posse de bola", ponderou o técnico Bert van Marwijk.

O caminho da seleção holandesa nesta Copa foi marcado por vitórias eficientes, e não por goleadas sobre os adversários mais fracos. Somente uma partida foi vencida por dois ou mais gols de diferença – a estreia contra a Dinamarca, por 2 a 0. No entanto, a Holanda é o único time que venceu todos os seus jogos no torneio.

"Eu fiz as coisas do meu jeito. Nós jogamos bem e às vezes jogamos bonito. No passado, nós começávamos a ganhar e ficávamos confiantes demais, até arrogantes. Eu tento explicar para os meus jogadores que sempre há uma outra partida", argumentou Van Marwijk.

Os capitães

Ao fim do jogo, o troféu será entregue a um dos capitães, e os dois merecem esta honra. Aos 29 anos, o goleiro espanhol Iker Casillas já coleciona 110 atuações com a camisa da seleção e caminha a passos largos para se tornar o jogador com o maior número de jogos defendendo as cores da Espanha. O atual recordista é Andoni Zubizarreta, que também era goleiro, com 126 partidas.

Na última temporada, no Real Madri, Casillas não foi tão bem. Na Copa, porém, foi decisivo quando defendeu um pênalti contra o Paraguai, nas quartas de final. Ao fim daquele jogo, todos os jogadores correram até o gol para comemorar com ele.

Na Holanda, o capitão é um jogador em fim de carreira. Aos 35 anos, Giovanni van Bronckhorst vai se despedir dos gramados em grande estilo. Sua última partida será a decisão deste domingo. "Eu não poderia sonhar com uma despedida melhor", reconhece o lateral do Feyenoord, que se tornará assistente técnico da seleção sub-21 do país na próxima temporada.

"Este é o nosso torneio. Em alguns momentos eu tive a sensação de que somos invencíveis. Nem sempre jogamos bem, mas marcamos gols em momentos cruciais", disse o capitão holandês. Mesmo sendo um jogador de defesa, Van Bronckhorst teve a sensação de marcar um destes gols. Contra o Uruguai, nas semifinais, ele abriu o placar com um lindo chute de longa distância, num momento em que a defesa adversária se mostrava muito firme.

"Eu vi na televisão as cenas de alegria que aconteceram no país quando eu fiz aquele gol. Foi uma loucura. Realmente me emocionou ter feito tantas pessoas ficarem tão felizes", contou Van Bronckhorst, orgulhoso. (C/DW)

Ameaça de bomba em voo da Air France no Recife é descartada

Uma suspeita de bomba obrigou o voo 443 da Air France, que ia do Rio de Janeiro a Paris, a fazer um pouso de emergência, por volta das 19h, no aeroporto dos Guararapes, em Recife (PE). Após quase três horas de inspeções na aeronave, a ameaça foi descartada pelo Comando Geral da Aeronáutica.

O avião, um Boeing 747, decolou às 16h20 com 405 passageiros e 18 tripulantes. De acordo com a assessoria da companhia aérea, o piloto foi informado via rádio da ameaça de bomba.O  alerta partiu do centro de operações do aeroporto do Galeão, no Rio, que recebeu uma ligação anônima relatando a existência de explosivos no avião.

O aeroporto de Recife ficou fechado por aproximadamente 40 minutos, mas voltou a operar normalmente por volta das 20h. Equipes do Corpo de Bombeiros, da Polícia Federal, da Polícia Militar e da Aeronáutica fizeram uma vistoria minuciosa do avião. Por volta das 23h30, a suspeita de bomba foi descartada.

Os passageiros seguirão para Paris na mesma aeronave. A decolagem está prevista para 0h30. (C/ Folha on line)

Bruno é processado por prostitutas em Minas por espancamento

O jogador Bruno é acusado de espancar mulheres em orgia, no sítio que serviu de cativeiro para Eliza. Duas prostitutas pediram indenização de R$ 1,8 milhão por danos morais. A denúncia está na edição deste domingo do jornal O Globo, em reportagem de Carla Rocha.

Uma garota da programa, em entrevista, relata ter sido espancada pelo goleiro durante uma  orgia no sítio em Esmeraldas,  Minas Gerais, de propriedade do jogador, em 2008: " Com uma mão ele me puxava forte pelo cabelo. Com outra, apontava para minha cara dando ordens para eu não gritar." A garota diz ter sido surrada por Bruno e dois outros jogadores do Flamengo e que uma colega, que já havia estado com ele  por duas vezes, apanhou no rosto e na cabeça. Bruno, além de agredir, garantia que os outros fizessem o mesmo, segundo a entrevistada.

Espancadas, as duas mulheres, segundo o relato de uma delas, foram abandonadas " por um deles" na BR-040 sob ameaça de morte caso procurassem a Polícia. Mesmo assim, as duas foram à delegacia.

Segundo a denúncia que corre na Justiça de Minas Gerais, para a orgia foram contratadas 18 mulheres  por valores entre R$ 300 e R$ 500 dependendo do que estivessem dispostas a fazer. O pedido de indenização por danos morais feito pelas denunciantes é de R$ 1,8 milhão. (C/ informações do Globo on line)

Brasil vive período de 'milagres econômicos', diz jornal britânico

O bom momento econômico do Brasil é tema de uma reportagem de duas páginas publicada nesta sexta-feira pelo diário britânico The Independent. Sob o título "No topo do mundo", o correspondente do diário em São Paulo, David Usborne, afirma que "não é possível passar um dia no Brasil sem sentir os milagres econômicos que acontecem" no país.

A reportagem ocupa as duas páginas centrais do jornal, acompanhada de uma grande foto da estátua do Cristo Redentor no Corcovado, de outra com torcedores acompanhando uma partida da seleção brasileira de futebol e de uma terceira com o presidente Lula em sua recente viagem ao Quênia. Ainda assim, a reportagem afirma que o Brasil "é um país que se moveu para longe dos clichês de sua marca internacional".

"Brasília está agonizando sobre como manter o controle sobre seu boom econômico, enquanto o resto de nós (na Europa) está brigando sobre os respectivos benefícios da austeridade para cortar o déficit versus os gastos para estimular a economia", observa o jornalista. A reportagem comenta ainda a proximidade das eleições presidenciais deste ano, citando as pesquisas que apontam uma disputa acirrada entre a ex-ministra Dilma Rousseff, candidata do presidente Lula, contra o ex-governador de São Paulo José Serra.

O jornal diz que o próximo presidente vai herdar um país em plena efervescência, com a perspectiva da realização da Copa do Mundo de 2014, da Olimpíada de 2016 e da exploração das vastas reservas de petróleo em águas profundas. Apesar disso, o jornal adverte que ainda é possível encontrar "muitas pessoas sensatas" no Brasil dispostas a identificar problemas, como a falta de investimentos em infraestrutura e em educação ou a burocracia e o sistema tributário complexo.

O texto lembra que o Brasil permanece um dos países com a maior desigualdade entre ricos e pobres, segundo o Banco Mundial, mas observa que essa diferença caiu durante o governo Lula. "É verdade que as favelas, com esgotos a céu aberto, armas e drogas, permanecem uma característica da paisagem urbana, especialmente no Rio de Janeiro, onde será necessária mais do que uma plástica antes dos Jogos de 2016", diz o jornal.

"Mas o número de pessoas vivendo abaixo da linha de pobreza caiu durante os dois mandatos de Lula de 50 milhões para 30 milhões", complementa o texto. (C/BBC Brasil)

Um festival de apelidos


Pipa, Abençoado, Glebão, Bilau, Fusca, Bronca e Nó Cego. O escrete daria um time de futebol, mas escala-se para a Assembleia Estadual da Bahia. Findo o prazo de registro de candidaturas no TSE, é hora do festival de apelidos, homônimos de famosos e, por que não, aberrações.

A coluna descobriu um José Serra, do PSDB, candidato a estadual em Alagoas; e um Hélio Costa (PMDB) para federal em Minas – não é o ex-ministro que tenta o governo. Lá também, um Juscelino JK para federal e Nilton Pão Veio para estadual.

Há Papai Noel para estadual em Alagoas e para federal no Mato Grosso do Sul, onde Tião Sereia tenta a Assembleia. O Gordo é Federal e Piranha querem vaga na Câmara por Sergipe, onde tem um Hulck para estadual - há outro deste em Santa Catarina, terra também de Pelé Povo de Deus e Dr. Xuxo.

Em Brasília, para distritais (são 802 candidatos para 24 vagas!), um time de primeira: Kaká, Cafu, Sócrates. Por fora, correm Roberto Explosão e Keith Marrone. Ainda no Distrito Federal, há os que prezam pela sensatez. Entraram na disputa o Juiz de Paz e A Sua Voz.

Em campo também, pelo Acre, tentam uma vaga para estadual o Ronaldo, o Pelé, o Bebeto e Chico Doido. Há o time dos números. Daniel, de Pernambuco, é só 43123; e um candidato a estadual em Minas cravou para urna o 22555. (C/ Informe JB)

Lula chega ao Brasil e desiste de visitar Alencar

O presidente Lula chegou por volta de 19h30 deste sábado, em São Paulo, no aeroporto de Congonhas, e desistiu de visitar o vice José Alencar no hospital Sírio-Libanês. Segundo a assessoria, Lula falou com Alencar de Angola para saber de sua saúde. Ao desembarcar no Brasil, o presidente decidiu seguir direto para sua residência em São Bernardo e poderá visitar seu vice no domingo, caso seja permitido pelos médicos.

José Alencar está internado desde quinta-feira, quando teve uma crise hipertensiva. O hospital divulgou que o vice-presidente irá passar por um cateterismo neste domingo. A suspeita dos médicos é que ele tenha tido uma isquemia no coração. Em maio, Alencar esteve internado por dois dias após apresentar anemia e congestão pulmonar. Pelo tratamento do câncer, doença que combate desde 1997, ele já foi submetido a 15 cirurgias. (C/ Portal Terra)

Coordenação da campanha de Serra terá filial em Minas

O PSDB nacional está montando uma filial da coordenação da campanha presidencial de José Serra em Minas Gerais. Diante da disputa apertada com o PT da adversária Dilma Rousseff, garantir vitória do tucano no segundo maior colégio eleitoral do País tornou-se ponto crucial. Serra fará pelo menos uma visita semanal a Minas. O objetivo da ofensiva é colocá-lo na dianteira da corrida presidencial antes do início do horário eleitoral no rádio e na TV, em 17 de agosto.

Quem vai coordenar é o secretário-geral do PSDB, deputado Rodrigo de Castro (MG), escalado pelo ex-governador Aécio Neves. "Foi o Aécio quem sugeriu criar esta coordenação, para dar mais solidez à campanha de Serra em Minas", diz Castro. A ideia é montar uma estrutura acoplada à da campanha para reeleição do governador Antonio Anastasia (PSDB), para facilitar a logística e aumentar a eficiência da caça aos votos.

A agenda mineira de Serra começará no dia 19 por Belo Horizonte e Divinópolis, polo siderúrgico com 220 mil habitantes, a 120 quilômetros da capital. Na segunda-feira seguinte, o trio Serra, o ex-governador Aécio Neves e Anastasia fará campanha em Poços de Caldas e Três Corações. (C/ O Estado de S. Paulo)

Anac notifica 18 companhias aéreas por violar direitos de passageiros

Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) já notificou 18 companhias aéreas pelo descumprimento da resolução que ampliou a partir do dia 13 de junho os direitos dos passageiros. Segundo o órgão regulador, já responderam oficialmente à notificação a Avianca (nova marca adotada pela OceanAir) e as estrangeiras American Airlines, Copa, Iberia, JAL, Korean Airlines, TAP e United Airlines. Essas empresas se comprometeram a cumprir os novos requisitos.

As demais companhias notificadas foram a Aerolíneas Argentinas, a Air China, a TAAG, a Aeroméxico, a British Airways, a Delta Airlines, a EL AL, a Emirates, a South African e a Taca. As equipes da Anac que estão fiscalizando os principais aeroportos do país verificaram problemas como a ausência ou a insuficiência de informação aos passageiros, além da falta de treinamento dos funcionários das companhias nos aeroportos a respeito da regulamentação.

A agência diz que começou a distribuir cartilhas sobre os direitos dos passageiros no atendimento das empresas aéreas. As mudanças instituem normas como o reembolso integral da passagem no caso de atraso do voo no aeroporto de escala ou conexão, ou a exigência de informações sobre reacomodação em outro voo pelas companhias. ( Valor on line)

Em jogo de duas viradas, Alemanha bate Uruguai e fica em terceiro lugar


Com a chuva fina caindo em Porto Elizabeth e uma longa lista de conquistas no currículo, a Alemanha bem que podia ter entrado em campo disposta apenas a cumprir tabela neste sábado. Não foi bem assim. Do outro lado do campo, havia um Uruguai faminto pela vitória, e o que se viu na disputa do terceiro lugar foi um jogo de cinco gols e duas viradas. Com 3 a 2 e um travessão salvador aos 48 do segundo tempo, a Alemanha é a dona do bronze na África do Sul.

O meia Müller, que voltou após cumprir suspensão na semifinal, abriu o placar para os alemães, mas Cavani e Forlán viraram para o Uruguai. Jansen empatou de novo, e coube ao volante Khedira fazer o gol da vitória. O goleiro uruguaio Muslera, herói nas quartas de final contra Gana, falhou duas vezes. Forlán teve a chance de empatar o jogo no último lance, mas cobrou uma falta no travessão para, em seguida, ouvir o apito final do juiz. A partida terminou, e Klose continuava no banco, de agasalho. Sentindo dores nas costas, o atacante não entrou e manteve seus 14 gols em Copas, um a menos que o recorde de Ronaldo Fenômeno.

O resultado deste sábado no estádio Nelson Mandela Bay estica a fama do polvo Paul, que segue com aproveitamento de 100% nos palpites. Para a grande final deste domingo, às 15h30m, o molusco apostou na Espanha para derrotar a Holanda no Soccer City e se tornar a oitava seleção campeã na história dos Mundiais. (C/ Globo Esporte)

Bancos públicos e privados pagam congresso de juízes

Bancos públicos e privados, estatais, construtoras e empresas de telefonia, num total de 35 empresas, desembolsaram R$ 3 milhões para patrocinar o 2º Congresso das Carreiras Jurídicas de Estado, que ocorreu de terça-feira até ontem em Brasília.

O evento reuniu cerca de 2.000 convidados, sendo que 800, entre eles juízes federais, procuradores, peritos criminais federais e advogados públicos, tiveram passagens, alimentação e hospedagem em vários hotéis de Brasília custeadas pela organização do congresso. Teoricamente, essas são pessoas que poderão investigar e julgar eventuais causas relativas àquelas empresas.

A verba, de acordo com os organizadores, foi proveniente dos patrocinadores privados e públicos, como Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Eletrobras, entre outros. Os patrocinadores do evento que responderam à Folha disseram que entendem que não há conflito de interesses nem incompatibilidade em apoiar iniciativas de carreiras jurídicas.

Muitos dos patrocinadores são partes em ações na Justiça julgadas por participantes do evento ou interessados em processos julgados ou analisados por eles. O tema do evento, organizado por Ajufe (Associação dos Juízes Federais do Brasil), Anap (Associação Nacional dos Procuradores de Estado), APCF (Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais) e Fórum Nacional da Advocacia Pública Federal, era "O papel das carreiras jurídicas para o desenvolvimento do país".

Alguns dos debates que ocorreram tratavam diretamente de situações que envolvem os patrocinadores, como por exemplo, o painel "O desafio entre público e privado na determinação das políticas públicas de telecomunicações".

Congressos de juristas patrocinados por empresas que são partes em ações são comuns. Em novembro passado, a Caixa Econômica Federal pagou parte de evento organizado pela Ajufe em homenagem ao então advogado-geral da União, José Antonio Dias Toffoli, hoje ministro do Supremo.

Confrontada sobre a conveniência do patrocínio, que não é ilegal, a organização do evento disse que não é possível imaginar que um juiz, perito ou procurador tomará uma decisão ou mudará o rumo de uma investigação por conta de patrocínio. (C/ Folha on line)

"Se recebi Fidel, por que não o PT?", indaga Lily Marinho sobre Dilma

Dilma Rousseff (PT) chegou antes de boa parte das convidadas ao almoço oferecido para ela ontem, no Rio, por Lily Marinho, viúva de Roberto Marinho, das Organizações Globo. Eram 13h quando a petista foi recebida pela anfitriã na porta da célebre mansão cor-de-rosa do Cosme Velho, aos pés do Cristo Redentor, onde o casal recebeu por décadas governantes do mundo todo para jantares memoráveis.

"Se o Roberto recebeu Fidel Castro aqui, por que eu não posso receber o PT?", disse Lily à Folha, num cenário emoldurado por flamingos rosas que nadam nos lagos da mansão -as aves foram presente do cubano, que esteve no Rio em 1992.

Um músico dedilhava ao piano e garçons de luvas brancas serviam champanhe Dom Perignon. "Ô, Jandira, toma um golinho pra mim porque senão vou ficar gorda igual a um boi", disse Dilma à ex-deputada Jandira Feghali (PC do B), passando discretamente a ela a "flûte".

Dilma se sentou perto de Lily, em cadeira de rodas por causa de uma queda. "Que tipo de música você gosta?", perguntou a anfitriã. "Clássica. Gosto de Bach", respondeu a candidata. "Ela toca piano e fala francês", revelou uma amiga de ambas a Lily. "Eu tinha curiosidade de conhecê-la", explicava Lily.

Não, repetia, ela não vai oferecer almoço a José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV), adversários de Dilma na campanha presidencial. "Eu não sou política. Se ficarem com ciúmes, o que posso fazer? Nada".

Aos poucos, o quorum aumentou. "A Lily estava um pouco ansiosa porque muitas têm até medo de chegar perto do PT e da Dilma. Mas todo mundo está chegando, graças a Deus", dizia uma amiga da anfitriã.

Na hora do almoço, Dilma e Lily dividiram a mesa com a economista Maria da Conceição Tavares, a escritora Nélida Piñon, a produtora Lucy Barreto e a colunista Hildegard Angel, entre outras.

A conversa girou em torno de amenidades. "Todos os candidatos homens já fizeram plástica. To-dos", dizia Dilma. E as pesquisas eleitorais? "Deixa eu ficar no empate [com Serra] que tá bom", respondeu a petista. No cardápio, tartare de salmão com maçã e funcho e filé de cherne com banana caramelada, passas e urucum do chef Claude Troisgros.

Antes da sobremesa, Lily leu um rápido discurso. Disse que ofereceu o almoço para homenagear "a senhora D, a senhora democracia".

E que seria um privilégio ouvir "a outra senhora D, Dilma Rousseff, que se propõe a ser a primeira mulher presidente do Brasil".

Dilma fez um discurso sob medida. Falou de educação, família e cultura -e das "lutas de milhares de brasileiras anônimas". "Eu acho que chegou a nossa hora!" Cantarolou com Alcione ao microfone -e se despediu de Lily: "Te espero na minha posse".

A candidata se foi e as amigas formaram roda para comentar. "Ela está segura, senhora de si", dizia Andrea Agnelli, mulher do presidente da Vale, Roger Agnelli. "Achei importante ela falar de educação", disse Beth Floris, dona da editora Ediouro. Dona Lily gostou. "Vou fazer 90 anos. Sou velha para votar. Mas acho que, se votasse, seria na Dilma."  (C/ texto e foto Folha on line)

Lula visitará José Alencar em hospital hoje à noite

Na noite de hoje (10), logo após chegar da viagem a países da África, o presidente Lula irá visitar o vice-presidente, José Alencar, que está internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. A previsão é que Lula desembarque em São Paulo por volta de 19h20.

Alencar está internado desde a última quarta-feira (7), quando foi ao hospital para mais uma sessão de quimioterapia em função do tratamento contra o câncer. Na ocasião, foi diagnosticado um quadro de hipertensão e os médicos decidiram pela internação para fazer exames.

Ontem (9), em Joanesburgo, na África do Sul, o presidente Lula apontou a preocupação com o estado de saúde de Alencar como um dos motivos que o fizeram antecipar a volta ao Brasil. Inicialmente, Lula ficaria na África do Sul até amanhã (11) para assistir à final da Copa do Mundo. Há mais de dez anos Alencar luta contra o câncer e já passou por 15 cirurgias. (C/Agência Brasil)

Padrasto mandará irmãos de Bruno para a Suécia por causa de exposição

Há 15 anos casado com a mãe do goleiro Bruno, Franco Timóteo é pai de dois irmãos do jogador. Apesar da revolta de populares, ele garante que não foi ofendido nas ruas. No entanto, teme pelo futuro dos filhos Pedro, de 11 anos, e Luis Alberto, de 13. Com isso, o administrador de empresas pretende mandar as crianças para a Suécia a partir de agosto.

- Os garotos têm uma tia médica que mora nesse país. Aqui eles ficam muito expostos. Também vou pedir proteção para os meninos, nesta segunda-feira, na secretaria de Segurança Pública da Bahia. Além da repercussão do que aconteceu com o Bruno, eles já sofreram uma tentativa de sequestro em Alcobaça (cidade do interior da Bahia) – afirmou.

Para Franco Timóteo, o delegado Edson Moreira é o maior responsável pela exposição de sua família.

- Esse delegado quer se promover. Ele conseguiu uma forma de aparecer na mídia. Não acredito no depoimento desse menor, que está todo em linguagem policial. Isso é história da carochinha. Cachorro não come carne humana – disse, em alusão ao assassinato da ex-namorada de Bruno, Eliza Samudio.

Timóteo conheceu Bruno pessoalmente em julho do ano passado. O goleiro recebeu a mãe, o padrasto, dois dos três irmãos e alguns tios, por quase um mês, em um apartamento na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Ao mesmo tempo em que lamenta o possível envolvimento do enteado no assassinato de Eliza Samudio, diz que - se tudo ficar comprovado - o jogador deve cumprir o que for determinado pela Justiça.

- Se ele estiver mesmo metido nisso, que cumpra a pena. Mas acho injusto ele, de repente, de herói nacional virar um monstro – declarou.

O padrasto de Bruno sai em defesa de Sandra Cássia de Souza, mãe do goleiro. Embora ela tenha deixado o jogador com dois anos para avó paterna criar, Timóteo garante que a sua esposa tentou se reconciliar com o goleiro.

- A Sandra morou por oito meses com o Bruno, no Rio de Janeiro. Mas eles se desentenderam porque ela tem depressão e problemas com álcool – afirmou.

Por fim, Franco Timóteo não descarta uma visita ao arqueiro.

- Não tenho nada planejado ainda. Mas se eu passar por Minas Gerais, posso procurá-lo. Sou flamenguista e quero o melhor para o Bruno – finalizou. (C/ GloboEsporte.com)

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Petrobras é a 54ª maior empresa do mundo, segundo a Fortune

A Petrobras é a empresa brasileira melhor colocada no ranking da revista Fortune, divulgado nesta quinta-feira (8), que destaca as 500 maiores companhias do mundo de acordo com a receita bruta em dólares. Com a 54ª colocação, a companhia brasileira cai 20 posições em relação à lista do ano passado.

A Petrobras ficou atrás de empresas como o Wal-Mart, a primeira colocada, e outras petroleiras como a Shell (2ª), Exxon Mobil (3ª) e BP (4ª). Outras seis empresas brasileiras apreceram no ranking: o grupo Itaúsa, controlador do Itaú, que figurou em 117º lugar, além do Bradesco (135º), Banco do Brasil (148º), Vale (363ª), Ultrapar Holdings (471º) e JBS (496º).

As dez maiores: 1. Wal-Mart Stores, com receita bruta de US$ 408.214; 2. Royal Dutch Shell, US$ 285.129;3. Exxon Mobil, US$ 284.650 ;4. BP, US$ 246.138 ; 5. Toyota Motor, 204.106 ; 6. Japan Post Holdings, 202.196; 7 Sinopec, 187.518 ; 8. State Grid, 184.496 ; 9. AXA, 175.257; 10. China National Petroleum, 165.496. (Com portal Exame)

'Vai ficar uma ferida', diz Dunga em entrevista exclusiva ao Estado, ao falar pela primeira vez

 Fechado em sua casa, em Porto Alegre, desde a chegada ao Brasil, no domingo, ele não se arrepende de nada. Ao lado da família, sequer assistiu às semifinais da Copa do Mundo e tampouco pretende ver decisão de 11 de julho. Esse é Dunga, agora ex-técnico da seleção brasileira, eliminada nas quartas de final na África do Sul - segundo ele, uma ferida que não sairá tão cedo. 

A seguir, confira alguns trechos da entrevista da edição desta sexta-feira, 8, feita pelo editor de Esportes Eduardo Maluf, de O Estado de S. Paulo.

Agora que a Copa passou, o que faria de diferente?

Foi feito tudo o que tinha de ser feito. A seleção não foi fechada como vocês dizem. Eu, por acaso, entro na sua redação para ver o que você está fazendo? Ou entro na sua casa? Não. Então ninguém tem de entrar na concentração. Pra quê? Pra ver homem pelado? O que eu fiz foi organização. Mas alguém fala alguma coisa, critica, e vocês, da imprensa, vão todos atrás. Eu ajo com a minha consciência.

Não acha que poderia ter convocado Ganso e Neymar?

Por quê? O ataque não fez gol?

Conseguiu esquecer a derrota para a Holanda?

Não, isso não se esquece. Vai ficar uma ferida. Esse jogo não vai sair da cabeça tão cedo. Futebol é minha vida. Ninguém está preparado para perder. Foi uma fatalidade. Os holandeses tiveram duas chances e fizeram dois gols. Jogamos um grande primeiro tempo, poderíamos ter matado o jogo. Fazer o quê? Um dia alguém vai analisar toda a história e avaliar o que aconteceu.

Bruno é chamado de "monstro" pela mídia; veja repercussão mundial

O goleiro Bruno Fernandes, do Flamengo, teve a prisão temporária decretada ontem no Rio e se entregou. A polícia fluminense diz que ele é suspeito de ser o mandante do sequestro da ex-amante Eliza Samudio, 25. Em Minas, o goleiro é investigado pelo assassinato da ex-amante. Veja a repercussão internacional do caso:

ANSA -"Goleiro Bruno, monstro atrás das grades", diz a manchete da reportagem da agência Ansa. "Bruno, ex-goleiro do Flamengo acusado de sequestro e homicídio de sua ex-amante Eliza Samudio e considerado um "monstro" pela opinião pública, se encontra finalmente atrás das grades em uma prisão do Rio de Janeiro", diz o texto da Ansa.

A reportagem diz ainda que os investigadores do crime, liderados pelo delegado Edson Moreira, qualificaram o jogador de "monstro" por sua atuação no crime, que foi "premeditado e friamente executado".

CNN -"Goleiro brasileiro suspeito de assassinar mulher desaparecida se entrega", diz a manchete da reportagem publicada hoje no site da rede de TV americana. A reportagem diz ainda que Souza foi suspenso pelo Flamengo "até que seus problemas legais sejam resolvidos". "O Flamengo --time de futebol mais popular do Brasil-- tem cerca de 32 milhões de torcedores, de acordo com o site oficial do clube. O time serviu como início de carreira para várias estrelas que atuaram em Copas do Mundo", acrescenta.

REUTERS- A agência Reuters também noticiou o caso, e cometeu uma gafe ao chamar o amigo de Bruno, Luiz Henrique Romão, conhecido como Macarrão, de Spaghetti. "O goleiro do time de futebol mais popular do Brasil se entregou à polícia em conexão com o desaparecimento e possível assassinato de sua ex-amante, em um caso que tomou conta do país aficionado por futebol", diz a reportagem da Reuters. O texto ressalta que o Flamengo é o "mais popular time de futebol brasileiro".

EL MUNDO -"O goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes, suspeito de ordenar o sequestro e assassinato de sua ex-amante Eliza Silva Samudio se entregou nesta quarta-feira à polícia do Rio de Janeiro", diz a reportagem publicada no site do jornal espanhol "El Mundo". A publicação diz que a prisão ocorreu "apenas 24 horas depois" que o primo do jogador havia confirmado a morte da jovem. O jornal ressalta o "trágico final" de Samudio, que "tentava fazer com que o jogador reconhecesse a paternidade de seu filho de 5 meses, também chamado Bruno, fruto de uma relação extraconjugal ocorrida em maio de 2009".

EL PAIS -"Preso goleiro do Flamengo por desaparecimento de amante", diz a manchete da reportagem publicada no site do também espanhol El País. O jornal informa que o corpo de Eliza foi entregue a um traficante de drogas, que teria recebido R$ 3.000 para "fazê-la desaparecer em um dos rituais mais macabros das organizações de narcotraficantes: teria sido desossada, sua carne lançada aos cães e seus ossos enterrados e cobertos com uma camada de cimento".

BBC -A rede britânica de informações BBC também noticiou o caso do goleiro Bruno. "Jogador de futebol brasileiro se entrega em caso de mulher desaparecida", diz a manchete do texto publicado no site. A reportagem destaca ainda as declarações dadas a uma rádio brasileira por Bruno, que disse ter a "consciência tranquila" e que no futuro iria "rir disso tudo". A correspondente da BBC Ana Pisarro diz que o caso tomou conta da mídia no Brasil, combinando todos os ingredientes de uma verdadeira novela brasileira, aponta o texto.

LA VANGUARDIA -Em seu site na internet, o jornal espanhol qualifica o crime envolvendo de "macabro" e diz que o "modus operandi" recorda ações da máfia siciliana. "A macabra história do desaparecimento de Eliza Samudio, ex-amante do goleiro titular do Flamengo, Bruno Fernandes, agora preso, adquiriu tons de um crime siciliano depois que a principal testemunha da história revelou detalhes do caso, publicados hoje pela imprensa".

XINHUA -"Bruno Fernandes, goleiro do time brasileiro reconhecido internacionalmente Flamengo, se entregou à polícia na tarde desta quarta-feira", diz a versão em inglês do site da agência de notícias chinesa Xinhua. "Ele é acusado de ordenar o sequestro de Eliza Samudio, 25, sua ex-amante e mãe do suposto filho do atleta, de 5 meses. Acredita-se que Samudio, que desapareceu no início de junho, foi assassinada. No entanto, a extensão da participação de Bruno no crime ainda está sendo investigada", diz a reportagem.

OLÉ- "Difícil de atacar", é a manchete da reportagem publicada no site do jornal esportivo argentino "Olé" sobre o caso. "Há 11 dias, ficou conhecida a história do goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes. O jogador se viu envolvido em uma trama macabra", diz o texto do periódico. "Ele está envolvido no desaparecimento de sua ex-amante, Eliza Samudio, 25, que exigia o reconhecimento da paternidade de seu filho e o pagamento de uma pensão", acrescenta a reportagem. A matéria diz ainda que outras cinco pessoas foram detidas em conexão com o caso, entre elas Dayane Souza, mulher de Bruno. conhecida da mulher do jogador e, posteriormente, entregue ao avô materno". ( C/ Folha on line)

CGU: 2,6 mil servidores expulsos nos últimos sete anos, 41 no Espírito Santo

De janeiro de 2003 a junho deste ano, 2.600 servidores públicos foram expulsos dos cargos por envolvimento em irregularidades, informou nesta quinta-feira (8) a Controladoria-Geral da União (CGU). Desses, 41 foram do Espírito Santo, que ocupa o 12º lugar no ranking das expulsões, liderado pelo Rio de Janeiro com 258 casos.

São funcionários de ministérios, autarquias, fundações e estatais acusados de corrupção, recebimento de propina, improbidade administrativa, abandono e uso indevido do cargo. Estão incluídos na lista servidores de alto escalão do governo federal, como dirigentes da Infraero e dos Correios. Os nomes ainda não foram divulgados pela CGU. (C/ Veja on line e CGU)

Bruno já está em Belo Horizonte

O goleiro Bruno e seu amigo Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, chegaram por volta das 23h10 desta sexta-feira ao Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, onde serão processados pelo assassinato de Eliza Samudio. Mais cedo, o ex-policial conhecido como Bola foi preso em Belo Horizonte.

Bruno e Macarrão chegaram no aeroporto do Rio por volta das 21h, também algemados. No momento de sua chegada o Santos Dumont vivenciou um grande tumulto, por causa da operação da polícia para recebê-los. Passageiros saíram ao saguão de embarque para saber o que estava acontecendo, mas Bruno entrou pela porta dos fundos.

No final da noite desta quinta-feira, a Justiça do Rio decretou a sua prisão preventiva por sequestro, cárcere privado e lesão corporal contra a ex-amante do atleta, Eliza Samudio, que ocorreu quando a moça ainda estava grávida. Os crimes teriam ocorrido em outubro de 2009, segundo denúncia apresentada pelo Ministério Público Estadual. Na ocasião, a modelo alegou ter sido obrigada a tomar um abortivo, que não surtiu efeito.

No Santos Dumont, antes de embarcar, os policiais de Minas e também do Rio tiraram várias fotos com a dupla, algemada, na frente do avião onde eles embarcaram. Eles foram obrigados a posar com os seus captores também na porta do ônibus em que foram transferidos pela pista do aeroporto até o avião.

Mais cedo, a doutora Ana Maria Santos esteve no complexo de Gericinó com a determinação da justiça em mãos para levar os acusados para Minas Gerais. (Com JB on line)

Ex-policial acusado de matar Eliza se entrega à polícia

O ex-policial civil Marcos Aparecido dos Santos, conhecido como Bola, Paulista ou Neném, suspeito de envolvimento no desaparecimento de Eliza Samudio, se entregou à polícia mineira no início da noite desta quinta-feira.

Santos é o proprietário da casa em que a polícia fez buscas ontem, após indicação de um adolescente de 17 anos primo do goleiro Bruno Fernandes. Em depoimento à polícia do Rio, o jovem confirmou a morte de Eliza e deu detalhes sobre o suposto crime. Foram escavadas algumas partes do imóvel, mas o corpo não foi encontrado. Hoje, o delegado Edson Moreira disse, após ouvir depoimentos, que Santos matou Eliza. Ele teve prisão decretada e é procurado pela Justiça.

O advogado Roberto de Assis Nogueira, que defende o ex-policial, nega qualquer envolvimento de seu cliente no suposto crime. Ele afirma que o ex-policial só irá depor após ele ter acesso ao inquérito policial.

Policiais e bombeiros de Minas fizeram buscas pelo corpo de Eliza em um sítio em Esmeraldas (região metropolitana de Belo Horizonte), na tarde desta quinta-feira. Segundo a polícia, a propriedade era alugada por Santos para adestrar cães. Além de agentes da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros, cães farejadores estão no sítio, que fica na mesma cidade onde Bruno tem uma propriedade onde, segundo o adolescente, Eliza foi mantida antes de ser morta.

Na quarta-feira (7), Bruno teve a prisão temporária decretada no Rio e se entregou. A polícia fluminense diz que ele é suspeito de ser o mandante do sequestro de Eliza. Em Minas, o goleiro é investigado pelo assassinato da ex-amante. Nesta quinta, a Justiça do Rio autorizou sua transferência para Minas. Bruno nega envolvimento nos dois crimes. (C/ Folha on line)

Olympikus desmente recolhimento de camisas de Bruno

Em nota de esclarecimento divulgada nesta tarde, a Olympikus confirma a suspensão do contrato de patrocínio do goleiro Bruno, do Flamengo, até que as investigações nas quais o jogador está envolvido sejam concluídas. Bruno está sendo investigado pelo desaparecimento da ex-namorada, Eliza Samudio.

No comunicado, a Olympikus ainda desmente a informação de que materiais esportivos relacionados a Bruno estejam sendo recolhidos das lojas: "A marca de materiais esportivos esclarece também que não solicitou a lojistas, de nenhuma parte do país, que fossem recolhidas camisas ou quaisquer outras peças referentes ao atleta. São improcedentes, da mesma maneira, as informações de que tais camisas serão retiradas do mercado pela empresa." (C/ portal Exame)

Governo federal tem 56 mil prestações de contas não analisadas

Em seu relatório de análise das contas do governo federal de 2009, o Tribunal de Contas da União (TCU) constatou que a quantidade de prestações de contas não analisadas cresceu 19% entre 2006 e 2009.

Já são exatamente 56.761 mil prestações não analisadas ou ainda não apresentadas pelo convenente (quem recebe recurso federal), apesar do prazo para sua apresentação ter se esgotado.

O valor dessas prestações chega a R$ 24 bilhões, montante 47% superior ao total verificado em 2006. O tribunal avaliou a evolução das transferências voluntárias da União a estados, municípios e organizações não governamentais feitas por meio de convênios, contratos de repasse, termos de parceria e de compromisso e acordos de cooperação. (C/ o portal Contas Abertas)

Ex-deputado capixaba será julgado por crime contra o sistema financeiro nacional

Um ex-presidente da Assembleia Legislativa do Espírito Santo será julgado pela Justiça Federal de Vitória pela acusação de crime contra o sistema financeiro nacional (SFN). Ele fora denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF) por ter feito declarações falsas à imprensa a respeito do Banestes, na época em que foi iniciado o processo de privatização do banco, em 2002.

A primeira instância havia absolvido o ex-parlamentar, aplicando o artigo 386 do Código de Processo Penal, que estabelece a absolvição do réu quando o fato que ele tenha cometido não possa ser definido como infração penal. A tese era de que o réu deu as declarações na qualidade de deputado estadual e estaria, portanto, coberto pela imunidade parlamentar.

Por conta disso, o MPF apelou ao TRF2, onde a 2a Turma Especializada reformou a sentença, determinando que o processo retornasse à primeira instância do Espírito Santo, para ter seu mérito julgado.

Contra essa determinação, o ex-deputado apresentou recurso de embargos infringentes ao próprio TRF2. Ao julgar este recurso, a 1a Seção Especializada da Corte confirmou a decisão proferida na apelação, ordenando que o mérito seja julgado pelo primeiro grau da Justiça Federal.

No entendimento da relatora dos embargos infringentes, desembargadora federal Maria Helena Cisne, há indícios de que as declarações que o ex-deputado deu à imprensa poderiam prejudicar seriamente o interesse público envolvido na privatização do Banestes.

Para a magistrada, a iniciativa não se enquadraria na imunidade parlamentar estabelecida pela Constituição: "As declarações proferidas pelo apelado não podem ser alcançadas pela imunidade material garantida pela Constituição da República, que somente abrange aquelas declarações relacionadas com o exercício do mandato, o que não ocorreu no presente caso", afirmou.

Documentos juntados ao processo dão conta de que, em entrevista coletiva, o acusado afirmou que a venda do banco seria um “bom negócio para o Estado, que se livraria de uma dívida de cerca de R$ 500 milhões”. A manchete de um dos jornais que publicaram a entrevista foi “Banestes à Beira da Falência”.

Testemunha de acusação, um ex-presidente da instituição financeira afirmou, em depoimento, que a notícia publicada alarmou a população e gerou a possibilidade de efetivação de saques pelos clientes do banco. Para ele, isso poderia ter gerado, inclusive, a liquidação do Banestes. (C/ informações do TRF)

O Blog; Em seu site, o TRF não divulga o nome do deputado e do ex-presidente do Banestes.

Mãe de Eliza Samudio ganha guarda provisória de bebê

O juiz da Vara de Família de Foz do Iguaçu Guilherme Cubas decidiu nesta quinta-feira reverter decisão que dava a guarda provisória do filho de Eliza Samudio, possivelmente com o goleiro Bruno, ao seu avô paterno, Luiz Carlos Samudio. Agora, a criança ficará provisoriamente com a avó materna, Sonia Fátima Moura (foto).

Advogado de Luiz Samudio, Sergio Barrios da Silva, confirmou a decisão.

- Foi revertida a guarda da criança. A avó está saindo de Minas Gerais e vai a Foz do Iguaçu para pegar o menino e levá-lo para o Mato Grosso do Sul - disse.

Luiz Samudio ainda não sabe da decisão, pois vem passando por problemas de saúde, mas seu advogado acredita que ele lutará até o fim pela guarda da criança.

Barrios, por outro lado, questinou a decisão da Justiça e lembrou que a avó esteve em Foz do Iguaçu e nem sequer se preocupou em visitar o bebê. Ele deu a entender que, caso seja confirmada a paternidade de Bruno, a avó e seus advogados darão entrada no pedido de pensão imediatamente. Mesmo que esteja preso, o goleiro é obrigado a pagar pensão se for o pai.

Não se sabe o motivo da decisão, pois o processo corre em sigilo em Foz do Iguaçu, mas o pai de Eliza Samudio responde a julgamento por estupro de uma menor de dez anos e isso pode ter influenciado. (Com Lancenet e foto Domingos Peixoto / O Globo)

Lula diz que não quer mais assistir à final da Copa

O presidente Lula disse que não tem mais vontade de assistir à final da Copa do Mundo e que se conseguir cumprir na África do Sul todos os compromissos oficiais antes da partida final, retornará ao Brasil amanhã (9) à noite ou, no mais tardar, sábado de manhã. À pergunta se não estava mais com vontade de ir ao jogo, ele respondeu: “Nem eu e nem você”.

Lula acabou de deixar Lusaca, capital da Zâmbia, com destino à África do Sul, onde tem agendado encontro com o presidente do país, Jacob Zuma, e com empresários brasileiros e sul-africanos. Ele também participa hoje à noite do lançamento da logomarca da Copa do Mundo de 2014, que será realizada no Brasil.

“Tudo vai depender do Zuma e do Ricardo Teixeira. Se eles conseguirem resolver tudo hoje e amanhã, cumpriria meu compromisso de chefe de Estado e na sexta à noite, ou no sábado de manhã, eu voltaria para o Brasil”, disse o presidente.

Em muitos momentos da viagem à África, Lula expressou sua decepção com a eliminação do Brasil na Copa do Mundo. Declaradamente apaixonado por futebol, ele chegou a dizer que nenhuma derrota o deprimiu tanto quanto a deste ano. (C/ Agência Brasil)

Goleiro Bruno será transferido para Bangu 2

 O goleiro Bruno, suspeito pelo desaparecimento da estudante Eliza Silva Samudio, será transferido, nesta quinta-feira, para o complexo penitenciário de Bangu 2, na Zona Oeste do Rio. A informação foi dada pelo delegado Orlando Zarconi, chefe de polícia da capital.

Duas viaturas já se dirigiram para a Delegacia de Homicídios, onde o goleiro se encontra detido desde a quarta-feira, e escoltarão Bruno até a carceragem. O goleiro nega a participação em qualquer crime contra Eliza. (C/ JB on line)

Receita libera consulta ao 2º lote do IR hoje

A Receita Federal libera hoje, a partir das 9 horas, a consulta ao 2º lote multiexercício de restituições do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF). O lote traz processamento de declarações entregues em 2010, 2009 e 2008. Para saber se terá a restituição liberada no lote o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet ou ligar para 146. Basta informar o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF). O crédito das restituições, nas contas bancárias informadas nas declarações, será feito em 15 de julho.

Com referência às declarações entregues em 2010, serão 2 milhões de restituições em total superior a R$ 2 bilhões. Os valores estão corrigidos em 2,54%, correspondente à taxa básica de juros, a Selic, acumulada de maio a julho.

A restituição ficará disponível no banco para saque durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, o dinheiro deverá ser requerido mediante o Formulário Eletrônico — Pedido de Pagamento de Restituição, disponível na internet, na página da Receita Federal.

Com relação ao lote residual do exercício de 2009, serão creditadas restituições para um total de 32,7 mil contribuintes, que totalizam R$ 55,9 milhões já atualizados pela Selic de 11%, (período de maio de 2009 a julho de 2010).

Quanto ao lote residual do exercício de 2008, serão creditadas restituições para um total de 12,2 mil contribuintes com imposto a restituir, totalizando R$ 22 bilhões. A atualização pela Selic nesse caso é de 23,07%, equivalente a maio de 2008 a julho de 2010.

Quem não informou o número da conta para crédito da restituição do Imposto de Renda deverá ir a uma das agências do Banco do Brasil, ou ligar para qualquer agência do BB ou para o “BB responde” no número 4004-0001, para agendar o crédito em conta corrente ou poupança em seu nome, em qualquer banco. (Seu Bolso/ Agência Estado)

Caso Bruno: suspeitos serão indiciados por homicídio de Eliza mesmo sem corpo, diz polícia

A Polícia Civil de Minas disse na manhã desta quinta-feira que mesmo que o corpo de Eliza Samudio, 25, ex-amante do goleiro Bruno Fernandes, do Flamengo, não seja encontrado, as pessoas envolvidas serão denunciadas à Justiça por homicídio e ocultação de cadáver.

"A materialidade do crime está indiretamente comprovada", afirmou o delegado Edson Moreira, da Delegacia de Homicídios. De acordo com ele, as investigações e as declarações das testemunhas mostram que houve o assassinato.

Para o delegado Wagner Pinto o sangue de Eliza encontrado no veículo de Bruno é outra prova fundamental. "A materialidade é feita direta ou indediretamente. Fazendo um cruzamento das provas temos depoimento e declarações que indicam o homicídio", ressalta.

Segundo a polícia, após a morte da vítima, Bruno, Macarrão e o adolescente colocaram fogo na mala de Eliza próximo a uma cisterna do sítio, para não deixar provas da passagem dela pelo local.  "Estou chocado com toda essa monstruosidade que foi descrita", diz Pinto.

Os delegados informaram que irão pedir a prisão preventiva do ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, conhecido como Neném, suspeito de envolvimento no desaparecimento de Eliza. Na casa dele, em Vespaziano (MG), foi encontrado um circuito de câmeras que fazia o monitoramento externo além de uma rota de fuga. Os delegados acreditam que havia alguém na casa pouco antes da chegada dos policiais, já que a pia estava molhada e a janela estava aberta.

A casa do ex-policial foi apontada por um adolescente de 17 anos, primo do goleiro, como o local onde Eliza foi morta. Ontem, policiais realizaram buscas na residência, mas nada foi encontrado. Apesar disso, a polícia afirmou ter apreendido um carro na frente da casa, onde foi encontrado resíduos que podem ser de sangue no porta-malas. Bruno e seu amido Luiz Henrique Romão, o Macarrão, estão presos desde a noite de ontem no Rio. (Folha on line e foto Gilvan de Souza)

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Bruno pode pegar de 17 a 56 anos de prisão

O goleiro Bruno poderá ser condenado a uma pena de 17 anos de cadeia por crimes investigados em dois inquéritos. No que apura o desaparecimento de Eliza Samudio ele foi indiciado como mandante de sequestro. Em outro inquérito, na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher, foi denunciado por lesão corporal e sequestro. A pena total pode chegar a 56 anos diante da suspeitas de homicídio triplamente qualificado, formação de quadrilha e ocultação de cadáver. (C/ informações do Globo on line)

Ferrari de quase R$ 500 mil está entre os bens declarados por Collor à Justiça Eleitoral


Candidato ao governo de Alagoas, o ex-presidente Fernando Collor (PTB) declarou à Justiça Eleitoral um patrimônio de R$ 7.724.383,41.

Entre os bens estão imóveis e terrenos em Alagoas, Rio de Janeiro e Brasília. Só na capital federal, ele tem 10 terrenos e outros seis imóveis. Collor ainda possui nove veículos, entre eles uma Ferrari de R$ 459.231,48, uma Maserati de R$ 342.551,60, uma BMW de R$ 273.791,10 e um Citroën C6 de R$ 188.302,16.

Além disso, ele tem uma lancha e um Jet Kart. (C/ Folha on line)

Flamengo suspende temporariamente contrato de Bruno

Uma comissão criada pelo Flamengo para tratar do caso do goleiro Bruno Fernandes, investigado pelo desaparecimento de sua ex-amante Eliza Samudio, de 25 anos, decidiu suspender temporariamente o contrato do goleiro até a conclusão do inquérito.

O advogado esportivo de Bruno, Diogo Souza, já foi comunicado da decisão e voltará a se reunir nesta quinta-feira, 8, com a direção do clube. O Flamengo está encontrando dificuldades em punir o jogador porque seu contrato não inclui direitos de imagem e segue as leis trabalhistas. (C/ Agência Estado)

Preso, Bruno nega acusações e diz estar assustado

Na Divisão de Homicídios do Rio, o goleiro Bruno Fernandes, preso por suspeita de envolvimento no desaparecimento da ex-amante Eliza Samudio, negou todas as acusações feitas por seu primo em depoimento dado à polícia na terça-feira (6).

De acordo com Michel Assef Filho, advogado do goleiro, seu cliente está "estarrecido, muito assustado" com o teor das declarações feitas pelo adolescente de 17 anos, que confirmou a morte de Eliza e deu detalhes sobre o suposto crime. Segundo o garoto, o corpo de Eliza foi comido por cães e seus ossos foram concretados.

De acordo com Assef, Bruno afirmou à polícia desconhecer todos os fatos narrados pelo jovem e que jamais teve conhecimento do sequestro de Eliza. Ele disse aos policiais que o primo mora com ele. Assef informou que o atleta prestou depoimento apenas para a polícia do Rio. "Ele vai prestar depoimento à polícia de Minas Gerais, mas ainda não sabemos quando", afirmou.

O advogado disse que só após tomar conhecimento do teor das investigações conduzidas pela polícia de Minas Gerais é que pretende entrar com pedido de habeas corpus para o goleiro. Mais cedo, disse que poderia entrar com o pedido ainda hoje. (C/ Folha on line)

Senado aprova licença-maternidade de seis meses

O Senado aprovou proposta de emenda constitucional (PEC) que amplia de quatro para seis meses o prazo de licença-maternidade. A proposta, que obteve 54 votos favoráveis e nenhum contrário, segue para análise da Câmara dos Deputados.

O projeto de autoria da senadora Rosalba Ciarlini (DEM-RN) modifica a Constituição Federal para tornar obrigatória a licença de 180 dias para empresas públicas e privadas. Na prática, a proposta amplia o alcance da Lei número 11.770, de 2008, de autoria da senadora Patrícia Saboya (PDT-CE), que faculta às empresas a concessão da licença de seis meses. Em contrapartida, a norma garante a dedução das despesas extras do Imposto de Renda.

A senadora, que era médica pediatra antes de ingressar na política, não acredita que as empresas ofereçam resistência à ampliação do prazo. Ela argumenta que a taxa de natalidade do País, atualmente de 1,9 filho por casal, vem caindo sistematicamente. Afirma que as experiências recentes mostram que a mãe que passa mais tempo com o filho retorna mais produtiva ao trabalho. E acrescenta que o ciclo de seis meses de amamentação garante mais saúde ao recém-nascido e, com isso, reduz as faltas da mãe ao trabalho. ( C/ Exame)

Vale tudo

O destaque das notícias desta quarta-feira (7/7) é a informação de que mesmo com os deslizes na formalização das propostas de governo pelos candidatos que lideram a corrida à Presidência da República, o Tribunal Superior Eleitoral deve aprovar os registros de Dilma Rousseff e José Serra.

A campanha de Dilma enviou ao tribunal um texto com propostas que, na verdade, eram do Congresso do PT que aconteceu em fevereiro passado. Já o PSDB enviou para o tribunal um resumo dos discursos que foram feitos por Serra no lançamento de sua candidatura, em Brasília, em abril, e na convenção nacional do PSDB, em Salvador, no mês passado, e não um programa de governo. A notícia é do jornal Valor Econômico. (C/ Consultor Jurídico)

STF: lei capixaba sobre uso de plástico biodegradável será julgada em definitivo pelo Plenário

Será julgada em definitivo pelo Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF), sem prévia análise de pedido de liminar, a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4431, ajuizada pela Associação Brasileira da Indústria de Material Plástico (Abiplast) contra lei capixaba que torna obrigatório o uso de embalagens oxibiodegradáveis (OBPs) para acondicionamento de produtos pelo comércio local.

A decisão foi tomada pelo relator da ADI, ministro Eros Grau, que, por entender que a matéria se reveste “de indiscutível relevância”, decidiu aplicar o preceito do artigo 12 da Lei 9.868/199 (que trata do julgamento de ADIs), para evitar tomar uma decisão liminar, na fase inicial de tramitação da ação. Ele prefere que o Plenário da Suprema Corte já julgue a matéria em caráter definitivo.

Na ADI, a Abiplast alega a violação de diversos dispositivos da Constituição Federal (CF) pela lei impugnada (Lei n º 8.7456/2007). Entre eles está o artigo 24, inciso VI e parágrafo 4º, segundo os quais a superveniência de lei federal sobre normas gerais suspende a eficácia da lei estadual, no que lhe for contrário. ( C/ Supremo Tribunal Federal)

Enfurecida! Espanha desbanca Alemanha e vai à final da Copa

Rainha assiste ao jogo e comemora a classificação da Espanha

Que soem sem parar as castanholas, que touro e toureiro façam as pazes, que o madrileno, o catalão e o basco compartilhem o mesmo abraço, porque a Espanha, pela primeira vez, está em uma final de Copa do Mundo. A Fúria mostrou sua raiva, “La Roja” apresentou o vermelho de seu sangue, a seleção de Vicente del Bosque jogou demais para vencer a Alemanha por 1 a 0 nesta quarta-feira, em Durban, e garantir presença na grande decisão pela primeira vez. O planeta espera um campeão inédito: Espanha e Holanda, domingo (às 15h30m de Brasília), no Soccer City, decidirão quem passa à turma dos vencedores.

Xavi foi escolhido o craque do jogo, mas foi de Puyol, gigante na defesa, o gol da classificação. Foi no segundo tempo, de cabeça, em um lance emblemático para um dos símbolos de uma geração que tenta matar a fome de títulos dos espanhóis. A Alemanha, bem menos brilhante do que contra Inglaterra e Argentina, agora lutará pelo terceiro lugar. O jogo é sábado, em Porto Elizabeth, contra o Uruguai.

Espanha espanhola, Alemanha alemã

Por alguma dessas mágicas que só o futebol tem, o primeiro tempo do jogo em Durban acabou com a brincadeira de troca de papéis que Alemanha e Espanha faziam na Copa do Mundo. Foi uma Espanha espanhola, com qualidade, bola na pé, superioridade técnica, diante de uma Alemanha alemã, compacta, matemática na distribuição de seus jogadores, mas sem aquele brilho que apresentou para cegar adversários como Inglaterra e Argentina. Pertenceu à Fúria a etapa inicial no Moses Mabhida.

Faltou o gol à Espanha. E faltou aquele encaixe final que vem rendendo goleadas à Alemanha. “La Roja” usou seu jeitão de coletividade fominha para ser melhor nos primeiros 45 minutos. Jogou como o moleque que é dono da bola nas peladas de rua: é dele e ninguém tasca - teve 57% da posse, com seis chutes a gol, contra apenas um da Alemanha. Desta vez, a Fúria teve o acréscimo de Pedro, prodígio do Barcelona, bem mais participativo do que vinha sendo Fernando Torres. É uma engrenagem de meter medo: Pedro, Xavi, Xabo Alonso, Sergio Ramos, Iniesta (parece que há uns 17 Iniestas em cada centímetro do campo), todos em busca de David Villa, a peça final.

Peça final, susto inicial. Eram cinco minutos de jogo quando Pedro encontrou Villa em condições de marcar. O artilheiro do Mundial recebeu e preparou o bote. Quando percebeu, viu Neuer se agigantando na frente dele. O chute do craque espanhol foi abafado pelo goleirão da Alemanha. A seleção de melhor futebol até as semifinais da Copa recebia o primeiro aviso de que a Espanha pretendia encerrar o período de hibernação futebolística.

Seguiu dando Fúria. Aos 13 minutos, Iniesta (ou um dos 17 que ocupam cada centímetro do campo) cruzou da direita. Puyol subiu bonito, subiu alto, subiu como sobem os zagueiros que marcarão o gol. O cabeceio dele foi um tiro. Mas a bala foi perdida. A bola passou por cima do gol de Neuer, gerando um “uh” coletivo – no Moses Mabhida, na Alemanha, na Espanha, sabe-se lá em quantos lugares do mundo.

A Alemanha, aos poucos, foi controlando o ânimo espanhol. “La Roja” viu suas ameaças ficarem mais raras. O problema para os tricampeões foi a incapacidade de encontrar a mesma criatividade de outros jogos – talvez a ausência de Müller, suspenso, seja a maior culpada. Houve pelo menos três lances em que os germânicos partiram para o contra-ataque com o veneno habitual. Mas se enrolaram nas próprias pernas. A Alemanha ficou resumida a cruzamentos para área, um chute de Trochowski defendido por Casillas e um pênalti reclamado por Özil, que deixou a perna para ser tocado por Sergio Ramos na entrada da área.

As rugas de Puyol na bola: Espanha na final!


O jogo recomeçou do jeito que parou, mas em versão acelerada. A Espanha pisou no segundo tempo ainda mais superior do que no primeiro. Foi uma coleção de chances de gol. Na primeira, Pedro passou por meio time da Alemanha e rolou para Xabi Alonso, que bateu mal. Na segunda, o jogador do Real Madrid teve nova chance, desta vez ao receber passe de Xavi, e voltou a errar. Na terceira, Villa bateu colocado, no cantinho esquerdo de Neuer, com muito perigo. Na quarta, a bola não entrou porque é teimosa mesmo.

Foi aos 12 minutos. A Espanha se aproximou da área alemã em bloco, trocando passes com precisão milimétrica, como se fosse a ação mais natural do mundo. A bola chegou até Pedro, que mandou a patada. Neuer espalmou, mas a jogada teve sequência logo depois, com Iniesta. O meia do Barcelona avançou pela esquerda, chegou à linha de fundo, já dentro da área, e mandou uma pancada como cruzamento. David Villa tem 1,75m. Se tivesse 1,76m, teria feito o gol. Esticar cada osso do corpo em um carrinho não foi suficiente para o goleador deixar sua marca.

A Alemanha até tentou mostrar que não estava dormindo. Klose recebeu cruzamento e encaixou o corpo para emendar voleio. O chute foi por cima. Mas a Espanha logo reagiu. Sergio Ramos entrou de surpresa na área alemã e quase completou cruzamento de Alonso.

A Alemanha, tão pressionada, resolveu dar um grito de que encrencaria o jogo. Kroos apareceu pela direita e mandou uma pancada em diagonal. Casillas salvou. Parecia que os tricampeões acordariam. E foi aí que mergulharam no sono da eliminação. Aos 27 minutos, Xavi cobrou escanteio e Puyol subiu. Lembra dele? Lembra do zagueiro que, no primeiro tempo, subiu bonito, subiu alto, subiu como sobem os zagueiros que marcarão o gol? Neuer, o goleiro da Alemanha, vai lembrar por todo o sempre. As rugas da testa do jogador de 32 anos estão eternizadas na bola. Golaço.

A Espanha ainda poderia ter chegado ao segundo gol, mas Pedro preferiu enfeitar o lance em vez de fazer o passe a Torres, que acabara de substituir o artilheiro Villa. Mas não fez falta, e o resto é alegria e tristeza. Alegria de uma seleção que alcança um feito inédito. Tristeza de uma seleção que jogou bonito, que encantou o mundo, mas que, desta vez, não estará na final. Espanha ou Holanda, Holanda ou Espanha. O grupo dos campeões mundiais terá um novo integrante no domingo. (Com o Globo Esporte)

Acordo no Congresso deixa definição do novo salário mínimo para sucessor de Lula

Acordo fechado hoje (7) no Congresso Nacional deixou em aberto o valor do salário mínimo a ser fixado em janeiro de 2011. Na prática, a decisão deverá ficar a cargo do sucessor do presidente Lula. Pela proposta original do Executivo, o mínimo não deveria receber reajuste real no próximo ano, de acordo com a regra seguida nos últimos anos de vincular o aumento à variação do Produto Interno Bruto de dois anos antes --em 2009, o PIB encolheu 0,19%.

O relator do projeto de LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para 2011, senador Tião Viana (PT-AC), queria alterar o mecanismo para permitir um mínimo de R$ 550, com reajuste real de 2,5% (variação média do PIB em 2008 e 2009). Mas, diante de um impasse com o governo, deixou o texto-base da LDO (aprovado ontem pela Comissão de Orçamento) em aberto.

Segundo o líder do governo na Câmara, deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), O Congresso reuniu esforços nesta semana para votar temas importantes em plenário antes do recesso de julho, que começa no dia 17.

EM 2009

No final do ano passado, o governo federal fixou em R$ 510 o valor do salário mínimo (que passou a vigorar em janeiro deste ano).

O mínimo anterior era de R$ 465 e o novo valor, adotado por medida provisória, equivaleu a reajuste nominal de 9,68%. Houve, portanto, concessão de aumento real estimado em 6%. (C/ Folha on line)

De olho em negócios, Lula promove Vale e Petrobras na Tanzânia

O presidente Lula deu nesta quarta-feira um empurrão nos interesses das empresas brasileiras Petrobras e Vale na Tanzânia. Na visita de um dia a Dar es Salaam, a petroleira brasileira assinou com a agência de petróleo da Tanzânia um acordo para desenvolver parcerias na área de biocombustível, tendo como horizonte o desejo do governo tanzaniano de adicionar até 9% de etanol na gasolina vendida no país.

Em relação à Vale, Lula pediu que as autoridades tanzanianas considerem com atenção os planos da mineradora brasileira de participar de uma licitação para explorar uma mina de carvão na fronteira entre a Tanzânia e Moçambique. É a primeira visita de um presidente brasileiro à Tanzânia, e o volume de negócios gerado entre os dois países é modesto. No ano passado, as trocas comerciais chegaram a apenas US$ 31 milhões.

O presidente da Vale, Roger Agnelli, disse que a mina de carvão na mira de sua empresa é uma continuação geográfica natural do projeto da mineradora em Moatize, Moçambique. Em Moatize, a mineradora extrai atualmente 12 milhões de toneladas de carvão, mas pretende a partir do ano que vem iniciar uma ampliação para atingir 24 milhões de toneladas e, eventualmente, chegar a 40 milhões de toneladas.

O investimento em Moatize é de cerca de US$ 2 bilhões, sendo que o PIB de Moçambique é de US$ 6 bilhões, disse o empresário. Em relação à Tanzânia, ele não deu valores precisos sobre o potencial de investimento ou produção, mas garantiu que será “de ordem semelhante, para um PIB de US$ 12 bilhões”.

A Vale tem projetos em Zâmbia, Congo, Angola, Guiné, África do Sul e Gabão, e Agnelli disse que a empresa também está inclinada a analisar planos da Tanzânia nas áreas de cobre, níquel, fosfato e potássio.

Defendendo a Vale, Lula tocou na concorrência com a China pelos mercados africanos. Lembrou a fracassada disputa entre a mineradora e uma concorrente chinesa envolvendo um projeto de minério de ferro no Gabão em 2006.

“Nada contra os meus amigos chineses. Pelo contrário, é um grande parceiro nosso e queremos manter a nossa parceira estratégica. Mas a verdade é que às vezes eles ganham a mina e trazem todos, chineses, para trabalhar naquela mina e fica sem gerar oportunidade de trabalho para os trabalhadores do país”, disse.

“É importante que se deem conta de que a Vale tem que vir aqui, fazer investimentos, gerar emprego aqui e contratar trabalhadores da Tanzânia para trabalhar nos projetos, e não trazer trabalhadores do Brasil, como alguns fazem, que não é boa política." (C/ BBC Brasil)

Informe JB: Dilma empata com Serra no Espírito Santo

Deu no Informe JB nesta quarta-feira (7) com o título "Lula, Hélio Costa e o Sudeste":

Sozinho, Hélio Costa não fica. Depois do imbróglio entre PT e PMDB, o candidato ao governo de Minas tem a garantia de petistas de que o presidente Lula investirá na agenda no estado. Ao lado de Dilma também, evidente. A estratégia de Lula é diminuir a vantagem de José Serra (PSDB) no Sudeste. Por ora, na conta governista, Dilma ganha no Rio e empata com o tucano no Espírito Santo. Perde em Minas e São Paulo. As projeções para Minas e ES, no entanto, são positivas para Lula. Os petistas acreditam que podem ganhar com Costa, batendo Anastasia – o candidato de Aécio Neves – e com Renato Casagrande, o candidato do PSB ao governo capixaba. E esperam 20 pontos de vantagem sobre Serra no Rio. Tudo em tese. 

Bruno está indiciado como mandante do sequestro de Eliza, diz delegado

RIO - Em entrevista coletiva na tarde de hoje, o delegado titular da Divisão de Homicídios (DH) do Rio, Felipe Ettore, disse que o goleiro do Flamengo Bruno Fernandes está indiciado como mandante do sequestro de Eliza Samudio, de 25 anos. "O depoimento do menor é sólido. Bruno está indiciado como mandante e os outros dois como executores", afirmou o delegado.

Ettore disse que 15 equipes da DH do Rio continuam checando denúncias sobre os possíveis paradeiros do atleta e de seu amigo, Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão. "Ambos estão com as prisões decretadas e não se apresentaram. Eles são considerados foragidos pela Delegacia de Homicídios do Rio, que apura o crime de sequestro e pela Delegacia de Minas, que apura o homicídio de Eliza", afirmou.

A Justiça de Minas Gerais emitiu nesta tarde um mandado de busca para a casa onde estaria o corpo de Eliza, em Vespasiano, na região Metropolitana de Belo Horizonte. Os policiais entraram na residência, localizada no bairro Santa Clara, por volta das 15h20. Vários cães da raça rottweiler estavam na entrada. Eliza segue desaparecida desde 10 de junho. (Agência Estado)

Exame confirma que sangue encontrado no carro de Bruno é de Eliza

A Polícia Civil de Minas Gerais confirmou na tarde desta quarta-feira que parte das manchas de sangue encontrados no carro Range Rover do goleiro Bruno Fernandes são de Eliza Samudio, 25. Eliza, que era ex-amante do goleiro do Flamengo Bruno Fernandes, está desaparecida desde o início do mês de junho.

De acordo com o delegado Edson Moreira, chefe do Departamento de Investigações da polícia mineira, foram localizadas quatro manchas de sangue humano, sendo três de Eliza. Uma quinta mancha identificada não foi possível extrair DNA.  Com a conclusão dos exames que confirmaram o sangue de Eliza, o delegado disse que a polícia vai pedir a coleta do sangue de todos os suspeitos pelo desaparecimento da jovem.

"A materialidade do delito vai se comprovando mais robustamente", disse Moreira.

Bruno Fernandes se entregou à polícia na tarde de hoje no Rio, após a Justiça emitir um mandado de prisão temporária contra ele por seu suposto envolvimento no desaparecimento de Eliza. Luiz Henrique Romão, o Macarrão, amigo e funcionário de Bruno, também se entregou. Bruno será indiciado como mandante do sequestro de Eliza. O delegado diz que Macarrão e um adolescente de 17 anos também serão indiciados, mas como os executores do sequestro.

A Justiça de Minas também confirma a prisão de Dayanne Rodrigues do Carmo Souza (mulher de Bruno), Flávio Caetano de Araújo (amigo de Bruno), Wemerson Marques de Souza (o Coxinha, amigo de Bruno), Elenilson Vitor da Silva (administrador do sítio de Bruno) e Sérgio Rosa Sales Camelo (sem detalhes). (C/ Folha on line)

Senado aprova criação da Pré-sal Petróleo para gerenciar contratos do pré-sal

Os senadores aprovaram  na tarde desta quarta-feira (7) o projeto de lei que cria a Pré-sal Petróleo S/A (PPSA), empresa estatal que irá gerenciar os contratos de exploração do petróleo do pré-sal. A votação foi simbólica, ou seja, sem verificação de quórum. O projeto irá agora à sanção da Presidência da República.

Contrário à aprovação do projeto, o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) disse que a criação da empresa não é uma necessidade do regime de partilha e afronta a Constituição. Segundo ele, a gestão de contratos deveria ser feita por uma agência reguladora, como a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), e não por uma estatal.

A empresa será vinculada ao Ministério de Minas e Energia, com sede em Brasília. O objetivo será o de gerir os contratos de partilha de produção e de comercialização de petróleo, gás natural e outros hidrocarbonetos. A execução das atividades de exploração não será de responsabilidade da PPSA.

Ela também terá como função monitorar e auditar a execução dos projetos de exploração e os custos e investimentos relacionados aos contratos de partilha de produção, além de fornecer à ANP as informações necessárias às suas funções regulatórias.

Os recursos da PPSA virão principalmente das rendas obtidas com a gestão dos contratos de partilha de produção, dos contratos que celebrar com os agentes comercializadores de petróleo e gás natural da União.

Os membros do conselho de administração da nova empresa serão nomeados pelo presidente da República, e os funcionários selecionados por meio de concurso público. (C/ Agência Brasil)

Bruno se entregou à polícia nesta quarta-feira

O delegado Felipe Ettore, da Divisão de Homicídios do Rio, confirmou na tarde desta quarta-feira (7) que o goleiro Bruno e seu amigo Luiz Henrique Ferreira Romão, conhecido como Macarrão, se entregaram na Polinter do Andaraí, na Zona Norte do Rio. Os dois serão levados para a DH do Rio, na Zona Oeste. Antes, porém, devem passar pelo Instituto Médico Legal para exame de corpo de delito.

Ettore disse também que o goleiro foi indiciado como o mandante do sequestro de Eliza Samudio, sua ex-namorada que está desaparecida desde o início do mês de junho. Ele disse que o menor que prestou depoimento na terça-feira (6) e Macarrão seriam os executores do sequestro de Eliza.

Bruno e Macarrão tiveram o pedido de prisão temporária decretada na manhã desta quarta-feira (7) e estão foragidos. O delegado disse que 15 equipes da DH do Rio estavam nas ruas à procura dos dois. À tarde, policiais estiveram na casa da ex-mulher do goleiro, Dayanne, para ver se Bruno estava lá. Eles também procuram um carro do jogador.

O delegado disse que o depoimento do menor ajudou na investigação. "Ele esclareceu muitos elementos e dúvidas que se tinham até então, muitos detalhes informados que depois de checados fizeram essas informações se sustentarem," disse o delegado. Ele confirmou também que o menor teria testemunhado o estrangulamento de Eliza, mas o delegado disse não lembrar quem seria o assassino segundo o menor.

Denúncias

Desde a noite de terça-feira (6) até o início da tarde desta quarta-feira (7), o Disque-Denúncia do Rio recebeu 15 ligações sobre a possível localização do goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes. As informações são do próprio órgão.Ainda de acordo com o Disque-Denúncia, desde o dia 26 de junho até esta quarta-feira (7) foram recebidas 30 ligações sobre o desaparecimento de Eliza.

No mesmo período, o Disque-Denúncia 181 de Minas Gerais recebeu 120 denúncias sobre o desaparecimento de Eliza Samudio, de acordo com a assessoria de imprensa do Instituto Minas Pela Paz. O 181 é um serviço da Secretaria Estadual de Defesa Social em parceria com o instituto. Desse total de denúncias, 30 teriam saído do Rio de Janeiro.

A assessoria do Instituto Minas Pela Paz afirmou ao G1 que não se manifesta sobre o teor das denúncias, pois se tratam de casos em investigação.

Pedido de Habeas Corpus

Um dos advogados do goleiro Bruno, Michel Assef Filho, afirmou que vai entrar com pedido de habeas corpus. Ele esteve no Fórum do Rio nesta manhã para pegar a cópia do pedido de prisão temporária do atleta do Flamengo. Assef informou que não sabe onde Bruno está.

"Eu vou impetrar um hc (habeas corpus) porque no meu entendimento não há fundamento para a prisão. Assim que eu conseguir contato com Bruno claro que ele vai se apresentar à polícia", afirmou o advogado.

Sobre o depoimento do menor na terça-feira (6), que teria complicado a situação do goleiro e de seu amigo 'Macarrão', Michel Assef Filho disse que ainda vai decidir se pede a anulação do depoimento.

Interrogatório

O jovem de 17 anos, que foi apreendido pela polícia na casa do goleiro, prestou depoimento por mais de sete horas na terça-feira (6), na Divisão de Homicídios do Rio. O interrogatório pode ajudar a polícia a desvendar todo o mistério em torno do desaparecimento de Eliza. Ele foi levado para Minas, para ajudar nas investigações que estão centralizadas por lá.

O adolescente foi encontrado na casa do jogador na tarde desta terça-feira, após uma denúncia. O goleiro Bruno estava em casa e abriu a porta para os policiais. De acordo com a polícia, o depoimento do menor foi considerado esclarecedor, apesar de ele ter entrado em contradição várias vezes. Durante o interrogatório, ele confirmou que Eliza está morta.

Segundo a polícia, o adolescente mentiu em alguns momentos. No interrogatório, de acordo com a polícia, ele contou que ajudou o Luiz Henrique Romão a levar Eliza Samudio e o bebê do Rio para o sítio do goleiro, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (MG). (C/ Globo Esporte)

terça-feira, 6 de julho de 2010

Crônica do desembargador Feu Rosa ganha destaque no Pravda de Moscou


Uma crônica do presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Espírito Santo, no Brasil, desembargador Pedro Valls Feu Rosa, é manchete principal das edições inglesa e portuguesa do jornal PRAVDA, de Moscou, na Rússia. Clique nos links abaixo e veja, em português e inglês, o artigo "O Arcebispo e Lawrence da Arábia", de autoria do desembargador Pedro Valls Feu Rosa, que está girando todo o planeta nesta terça-feira (6).

http://port.pravda.ru/mundo/05-07-2010/30043-arcebispo_lawrence-0

http://english.pravda.ru/opinion/columnists/05-07-2010/114129-archbishop_lawrence-0

Na semifinal, Alemanha quer revanche pela Euro contra Espanha

(Fernando Torres marcou o gol do título da Euro 2008. Há dois anos, as duas seleções decidiram a Eurocopa e a Espanha venceu por 1 a 0. Agora, Alemanha vem com uma seleção renovada e com mais tradição em Copas do Mundo, em busca de uma vaga na grande decisão.)

Alemanha e Espanha se enfrentam nesta quarta-feira (07/07), em Durban, pelas semifinais da Copa do Mundo de 2010. É impossível pensar neste jogo sem lembrar que há dois anos estas duas seleções decidiram a Eurocopa. Na ocasião, os ibéricos venceram por 1 a 0.

Do lado alemão, apenas nove jogadores do elenco atual estavam naquela competição. Mas é o suficiente para que a derrota esteja fresca na memória e a comissão técnica se preocupa com isto. "Nós temos que tomar cuidado para não respeitar demais a Espanha, porque ainda temos a final de 2008 na cabeça e porque a Espanha domina o futebol mundial há dois ou três anos", alertou Oliver Bierhoff, gerente da seleção.

Os espanhóis também fazem esforço para não pensar no passado. "Este é o jogo mais importante da nossa história. Tem um significado ainda maior do que a final da Eurocopa há dois anos", disse o goleiro Iker Casillas.

"Aquilo já foi há muito tempo", acrescentou Casillas. "Agora a Alemanha é o melhor time da Copa. Quem ganha de 4 a 1 da Inglaterra e de 4 a 0 da Argentina tem grande qualidade. Mas nós não viemos à África do Sul para ser quarto lugar. Vamos dar tudo pela final", completou o goleiro, que é também o capitão da seleção espanhola.

"Vários Messis"

Enquanto Casillas aponta a Alemanha como melhor time da Copa, os alemães demonstram o mesmo tipo de respeito. Depois da impressionante vitória sobre a Argentina nas quartas de final, o técnico Joachim Löw espera um jogo mais difícil. O argentino Lionel Messi – melhor do mundo na última temporada – foi parado pela defesa alemã. Contudo, os espanhóis "não têm um Messi, mas sim vários Messis", segundo Löw.

O maior destaque espanhol é David Villa, que marcou cinco dos seis gols da Fúria na Copa. Com certeza, ele está na lista de "Messis" de Löw, à qual Bierhoff acrescenta outros nomes. "Os espanhóis têm, além de Villa, Xavi, Iniesta, Alonso e Torres. Todos podem decidir", disse o gerente da seleção.

Fernando Torres, citado por Bierhoff, foi quem marcou o gol do título espanhol há dois anos. No entanto, ele não faz um bom Mundial, pois vem sofrendo com problemas físicos, e ainda não balançou as redes. O atacante é dúvida para esta partida e pode ser substituído por Cesc Fàbregas, que daria mais força ao meio-campo.

Do lado alemão, as contusões de Friedrich e Khedira não se mostraram graves e os dois estão confirmados. Apenas um desfalque é certo. Thomas Müller, um dos artilheiros do time com quatro gols, está suspenso com dois cartões amarelos. Seu substituto mais provável é Piotr Trochowski, sendo que Toni Kroos e Cacau – que também se recuperou de contusão – correm por fora na disputa.

Naturalmente, Joachim Löw lamentou a ausência de uma de suas principais peças, mas lembrou que a Alemanha perdeu muitos jogadores durante a preparação para o Mundial, inclusive o capitão Michael Ballack. "O time reagiu admiravelmente sempre que faltaram jogadores importantes", disse o treinador.

Alemanha é melhor em Mundiais

O retrospecto espanhol em Mundiais deixa a desejar. Esta é apenas a segunda vez na história que o time chega entre os quatro primeiros. A outra foi em 1950, quando a decisão era num quadrangular – em vez de uma final em partida única – e a Espanha terminou na quarta posição.

Isto explica a obsessão espanhola. A atual geração tem jogadores de qualidade e pode romper esta barreira. "É um grande mérito dos jogadores estarem entre os quatro melhores. Mas isto não pode nos impedir de avançar ainda mais. É verdade que no passado teria sido suficiente apenas estar nas finais. Agora nós temos que tentar vencer", observou o técnico Vicente del Bosque.

Enquanto isto, a tradição da camisa alemã fala por si só, com três estrelas sobre o escudo. Além dos títulos, em 1954, 1974 e 1990, houve mais quatro aparições alemãs em finais de Copas do Mundo. Em confrontos diretos entre Alemanha e Espanha, o saldo é de duas vitórias alemãs – em 1966 e 1982 (Alemanha Ocidental) – e um empate – em 1994. ( Deutsche Welle)

Cabral 13 vezes mais rico que Gabeira

Fechado o prazo para os candidatos enviarem ao Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro o registro de suas candidaturas, Sérgio Cabral aparece com um patrimônio treze vezes maior do que Fernando Gabeira nas declarações de bens apresentadas.

Gabeira informou ter bens no valor de 60 393 reais divididos em duas motos Suzuki (10 950 reais cada) e duas aplicações no Banco do Brasil (uma de renda fixa de 3 493 reais e outra de 34 000 reais em CDB). Já Cabral afirma ter 843 094,42 reais divididos em um imóvel de Mangaratiba (200 000 reais), Toyota Corolla (70 000 reais) e o resto em diversas aplicações financeiras.

As declarações sofreram leves alterações na comparação com eleições passadas. Em 2008, quando se candidatou a prefeito do Rio de Janeiro, Gabeira informou ter 54 072 em bens. Dois anos antes, quando se candidatou a governador pela primeira vez, Cabral declarou 647 875 reais em bens.

Se no patrimônio a diferença entre Cabral e Gabeira é grande, há igualdade total na previsão de gastos para a campanha ao governo do Rio de Janeiro. PMDB e PV informaram ao TRE que pretendem gastar 25 milhões de reais até outubro. ( Por Lauro Jardim/ Veja on line)

Aécio Neves declara R$ 617 mil à Justiça Eleitoral

O ex-governador de Minas, Aécio Neves (PSDB), que disputará uma vaga ao Senado pelo Estado, declarou à Justiça Eleitoral que possui bens no valor total de R$ 617 mil. Entres os recursos informados ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Minas no ato de registro de sua candidatura, o tucano declarou que possui, entre outros, um imóvel de R$ 109.500 no Rio de Janeiro, um apartamento em Belo Horizonte no valor de R$ 222 mil, além de outros imóveis e aplicações financeiras. ( C/ Portal Terra)

O Blog: Bem menos que o vice Indio, de Serra, neófito. E olha que foi governador de Minas por oito anos e pertence a família de políticos.

Ministério Público pede a prisão de Bruno e amigo

Rio - O Ministério Público deu entrada no fim da noite desta terça-feira no pedido de prisão do jogador Bruno e do amigo do goleiro Luis Henrique Ferreira Romão, conhecido como Marcarrão, pelo sequestro da estudante Eliza Samudio, 25 anos.

 MP pediu também a apreensão do menor J., 17 anos, primo do jogador, que teria participado da ação. O pedido foi entregue ao plantão judiciário no Fórum do Centro da cidade. (C/ O Dia on line)

Senado aprova por 41 votos indicação de capixaba para embaixador do Brasil junto a Myanmar

O Senado aprovou em sessão deliberativa nesta terça-feira (6) indicações da Presidência da República para representar o Brasil em 12 países e também na Organização das Nações Unidas (ONU).

O capixaba José Carlos da Fonseca Júnior irá representar o Brasil junto a Myanmar. Foram 41 votos a favor, quatro contra e duas abstenções. O presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), Eduardo Azeredo, informou que José Carlos exerceu o cargo de deputado federal pelo Espírito Santo, além da carreira diplomática. O senador Marco Maciel (DEM-PE) assinalou o acerto da escolha pela capacidade administrativa de José Carlos. (Com Agência Senado)

Caso Bruno do Flamengo: depoimento de jovem contraria apuração da polícia sobre Eliza

 As informações prestadas à polícia do Rio de Janeiro pelo adolescente de 17 anos, apreendido na casa do goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes das Dores Souza, nesta terça-feira, sobre a morte da estudante Eliza Samudio são diferentes do que foi apurado pela polícia de Minas Gerais durante as investigações e depoimentos de algumas das mais de 30 testemunhas ouvidas.

Uma fonte da polícia do Rio de Janeiro, que ouviu o depoimento do jovem, afirmou que o adolescente disse que Eliza está morta. Ele teria confirmado, ainda, que deu uma coronhada na mulher, de 25 anos, que teria um filho com o jogador. Para agredir Eliza, o jovem teria usado uma arma de Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, amigo do Bruno e um dos principais investigados pela polícia no caso.

De acordo com a fonte policial, durante o depoimento, o jovem teria entrado em contradição, e algumas das informações seriam diferentes do que foi apurado pela Polícia de Minas Gerais. O jovem deve ser acusado por sequestro e será transferido para o juizado de menores ainda hoje.

A apreensão do adolescente ocorreu depois que a polícia recebeu uma denúncia de um tio do menor para uma rádio, dizendo que ele estava escondido na casa de Bruno, no Recreio. Ao ouvir o relato, a polícia de Minas entrou em contato imediatamente com a Delegacia de Homicídios, que conseguiu apreender o menor.

De acordo com o tio, Eliza teria sido enganada por Macarrão e levada para um "passeio de carro". O adolescente estaria escondido no banco de trás do Land Rover do atleta. A testemunha disse que ouviu do adolescente que Bruno pagou R$ 3 mil para um homem chamado Cleiton entregar o corpo a um traficante e sumir com o cadáver. "A menina foi desossada ali. Está enterrada, o garoto sabe e a hora que pressionarem ele conta tudo. Eles enterraram os ossos da garota e concretaram tudo", disse o motorista. (C/ Portal terra- às 22h45)

Caso Bruno do Flamengo: depoimento termina e menor é liberado pela Polícia

Foram necessárias sete horas de depoimento à Polícia Civil, na Delegacia de Homicídios da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, para o menor que confessou envolvimento no desaparecimento de Eliza Samudio ser liberado. Após o interrogatório e algumas contradições, o menino saiu com o rosto coberto, entrou em uma viatura e foi levado para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente.

Segundo o promotor de justiça Homero das Neves, que acompanhou pessoalmente os acontecimentos desde a chegada do menino à delegacia, considerou as declarações passíveis de serem utilizadas em processo.

- A versão do menor é crível e razoável. É um depoimento que tem sentido - analisou. (c/JB on line ás 22h59)

"Quem é Indio", ironiza Lula sobre vice de Serra

O presidente Lula ironizou nesta terça-feira, 6, a escolha do deputado Indio da Costa (DEM-RJ-foto) para vice na chapa do tucano José Serra que disputará as eleições presidenciais. "Não conheço. Não conheço. Eu não sei se é demérito dele ou se é meu. O dado concreto é que eu nunca ouvi falar no nome dele", disse. "Eu não sei se ele tem tanta virtude para ser escolhido a vice", completou. "Mas o dado concreto é que acho que nem eu nem o Serra o conhecíamos." O presidente fez as declarações em entrevista à imprensa, na capital da Tanzânia.

O deputado Indio foi escolhido como vice de Serra, no final de junho, em reunião entre o candidato tucano, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, e o presidente do DEM, Rodrigo Maia.

Além de ser do Rio de Janeiro, terceiro maior colégio eleitoral do país e local onde Serra tem problemas de palanque, Indio foi relator do projeto Ficha Limpa, o que os aliados de Serra consideram um trunfo eleitoral. O deputado é ligado a Kassab e ao líder do DEM na Câmara dos Deputados, Paulo Borhausen. É amigo pessoal de Fernando Gabeira (PV).

A primeira e única experiência no Executivo de Indio foi o posto de secretário municipal de Administração, entre 2001 e 2006. O nome dele foi alvo da CPI da Merenda na Câmara Municipal do Rio, que o acusou de favorecer uma empresa na compra de lanche para estudantes. O relatório foi encaminhado ao Ministério Público Estadual, que não viu indícios de crime e arquivou o caso. (Com Veja on line)